Síndrome do Esquartejamento – Emancipação Política ?!?!?!?!

É isso, o Cidadão do Quadrilátero Ferrífero sofre da “Síndrome do Esquartejamento”! Conjunto de sinais e sintomas que paralisam o indivíduo em relação ao enfrentamento de situações predatórias dos Governos das Minas Gerais, e seus conchavos com Mineradoras e Multinacionais, muito visível na região Metropolitana de Belo Horizonte e Cidades Históricas, como Ouro Preto, Mariana, Congonhas e uma tal de Conselheiro Lafayete.

Agora aparece um novo Predador: o PEDÁGIO na BR-040. Sim, acreditem: serão 2 (dois) PEDÁGIOS para quem pretende pegar estrada em direção à Barbacena, Juiz de Fora…com isso agora serão 5 (cinco) PEDÁGIOS até o Rio de Janeiro!

Gente, ACORDA! Que estrada horrorosa, frequentada por caminhões de minério em todo o trecho que vai de Carandaí até o trevo de Belo Vale, destruindo a estrada, emporcalhando o trecho com pó de minério, consequentemente, corroendo nossos automóveis, ou melhor, nossos bolsos, ou melhor ainda: NOSSO PATRIMÔNIO.

Tiradentes tinha razão. Os Inconfidentes até que tentaram. Mas os PREDADORES OPRESSORES foram mais sábios e eficazes. “Tiradentes, que foi capturado com um bacamarte em mãos, por duas vezes solicitou viajar para Portugal com a intenção de tratar de negócios. Em sua sentença, chama a atenção o fato de o juiz ordenar que sua casa fosse salgada para que sua memória infame fosse apagada. Aliás, as penas dos inconfidentes foram variadas, indo desde o açoite à morte natural na forca, como no caso do mártir.” Clique e conheça parte da Nossa História, passado aterrorizante para aqueles que queriam um Brasil para Brasileiros, dos Brasileiros!

Sai dessa lagartixa…tá na hora de pensar como jacaré. Deixe o medo no passado e acorda: um absurdo esses PEDÁGIOS na região da BR-040, onde a cada vez que passo vejo uma montanha a menos. Cadê a riqueza que tava aqui? Cadê nossos ROYALTIES? Cadê o retorno  social de tanta exploração?

Que tristeza passar na BR3! Estrada que já foi considerada a mais moderna do Brasil. Fumaça, para despistar a verdadeira intenção da sua construção: facilitar a vida dos PREDADORES OPRESSORES.

PREDADORES OPRESSORES em comunhão com ALIENS, para garantir a perpetuação da espécie oprimida. Nem Arnold faria tanto sucesso.

O que é crime num estado de civilização aperfeiçoada, não passa de um gesto de audácia num lugar de civilização menos avançada e seria talvez uma ação louvável num tempo de barbárie.” Nota do Autor: para reflexão.

queixou um Comerciante em janeiro de 1872: “… queixou-se amargamente da opressão que os habitantes da América do Sul sofriam da mãe-pátria; e que os monopólios, as proibições e os impostos tinham estagnado o comércio, impedido a agricultura e destruído espírito de iniciativa e acreditava que a insatisfação tinha se tomado tão ampla, pelo vulto dos encargos e pelas restrições a que eram obrigados a submeter-se, que ele não seria surpreendido se fossem levados ao extremo, como seus irmãos da parte norte do continente, a sacudir o jugo de Portugal e conseguir a própria Independência. John Barrow, Voyage to Cochinchina, p. 127.” Até quando submeteremos ao jugo? No passado, o PREDADOR OPRESSOR era conhecido, no presente é oculto, disfarçado de ALIEN PATRIOTA, infiltrado na política e suas Instituições. Quem é, hoje, nossa “mãe-pátria”?

Anúncios

Sobre Sabino

Aproximei pelo que vi, permaneci, ou não, pelo que descobri.
Esse post foi publicado em Notícias e política, Organizações e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s